quarta-feira, 27 de julho de 2011

Autonomia Financeira do Poder Judiciário nos EUA

Sob o título: "Are Budget Cuts Imperiling Justice?" foi publicada matéria nos Estados Unidos sobre as limitações que o Poder Judiciário vem sofrendo em seus orçamentos diante da crise econômica que atinge aquele país. A reportagem denuncia que o serviço judicial, já não considerado bom em alguns locais, pode piorar. O comentário é pequeno, mas queria voltar a movimentar o blog. 


segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Veja, Lula e Chico

A Veja é realmente uma revista complicada. Cheguei de viagem e me dispus a ler as matérias sobre o fim do governo lula. Me surpreendi (mas nem deveria mais) com uma série de ataques, e o pior, uma visão distorcida da realidade. A imagem que Veja quer passar de Lula é que seu apego ao poder é maior do que a de um homem normal que exerce qualquer tipo de poder. Lula, ao contrário de seu antecessor, não instituiu reeleições que não existiam em benefício próprio nem sugeriu ficar mais tempo do que manda a Constituição. É claro que o governo teve defeitos, e alguns até graves em termos de corrupção. Mas a visão distorcida que passa a revista Veja beira ao ridículo. Retrata um país que não existe, atrasado e que retrocedeu nos últimos anos, quando, ao contrário, o país teve avanços fantásticos em diversas áreas. A revista ainda se presta a desqualificar Chico Buarque. Sugerindo ironicamente a desapropriação do campo de futebol de seu time de futebol, o politheama, para destinar à reforma agrária. Veja é expert em desqualificar movimentos e necessidades sociais em nome de um liberalismo, seja ele democrático ou não. Seria o mesmo que criticar a foto de alguém que defende o fim da fome e da miséria num rodízio de churrasco, como se as situação fossem antagônicas quando não o são. É um tipo de manipulação barata que grandes meios de comunicação não deveriam fazer. Quer criticar a corrupção, ótimo! Sou a favor disso. Não é preciso fingir que não houve mensalão, como pretende as vezes o PT. Mas não é preciso desqualificar cada ação de um governo que não é de sua preferência. Para mim, eles não fazem jornalismo, mas um folhetim mal feito de interesses liberais. Já mandei algumas cartas criticando certas matérias dessa revista. Fui muito educado, mas a censura é praticada quando conveniente e repelida quando também interessa. Por favor, parem de comprar a Veja! Aqui em casa ainda tento convencer meus pais...